Vídeo e áudio mostram desespero durante roubo a joalheria no shopping Raposo
(Foto: Divulgação)

um vídeo e áudio mostram o desespero de funcionários e clientes durante roubo a joalheria de um shopping na Zona Oeste de São Paulo, na noite de domingo (29) (veja acima). Uma quadrilha armada invadiu o Raposo Shopping, por volta das 18h30, e invadiu a loja causando pânico entre empregados e até clientes por causa do tiroteio.

Algumas imagens gravadas por empregados e frequentadores mostram pessoas se escondendendo em outras lojas. Para isso, elas abaixaram as portas dos estabelecimentos.

“Faz uma meia hora. A gente está aqui dentro da loja. Não sei o que está acontecendo, só vejo policial passando, correndo… segurança. Mas já faz uma meia hora que teve o tiroteio”, diz uma pessoa num áudio compartilhado com outras pessoas.

Na conversa gravada por meio de um aplicativo de celular, a pessoa conta que não sabe se ainda tem criminosos no shopping. “Está abrindo a loja agora. Não sei se ainda tem bandido dentro da loja ou se está acabando”.

Um suspeito foi baleado e preso pela Polícia Militar (PM), que ainda apreendeu uma arma com ele. O homem, que não teve o nome divulgado, foi levado ferido para um hospital, mas seu estado de saúde não foi informado. A Polícia Civil investiga quem o atingiu: se foram os outros bandidos ou algum agente ou segurança do shopping que reagiu ao assalto.

Os outros sete comparsas que estavam com ele fugiram levando joias, mas a quantidade de objetos e seus valores não foram divulgados. O nome do estabelecimento comercial assaltado também não foi informado. A assessoria de imprensa do shopping não foi encontrada para comentar o assunto.

Câmeras de segurança

Além do vídeo e áudio gravados pelos próprios funcionários, câmeras do circuito interno de segurança do shopping mostram a ação dos criminosos, que dominaram funcionários e clientes nos corredores (assista abaixo).

Veja também  Casas Bahia é invadida por assaltantes no Jd. Santo Eduardo em Embu das Artes

Os assaltantes ainda tentam quebrar vitrines com chutes, mas não conseguem. As imagens também mostram eles obrigando funcionários a entregar objetos de valor. Nas cenas é possível ver os bandidos apontarem armas para as vítimas.

Depois do assalto o shopping foi esvaziado e fechado.

Crédito: G1
Por volta das 20:30 desta terça-feira (27), um ônibus foi incendiado na altura do KM
Um grupo bloqueou com um ônibus a Rodovia Raposo Tavares, em São Paulo, durante protesto
Um deslizamento de terra aconteceu na manhã desta quarta-feira, dia 19, por volta das 9h,