Polícia investiga morte misteriosa de moradora de Taboão da Serra em hotel no litoral paulista
Boletim de Ocorrência é registrado como "morte suspeita".
(Foto: Arquivo Pessoal)

A causa da morte da diarista Elzeli Grizostomo de Sousa ainda é desconhecida pelas investigações policiais. Aos 45 anos, a mulher que estava hospedada em um hotel na cidade de São Vicente, litoral de São Paulo, foi encontrada morta na piscina do hotel, na última sexta-feira (15). Ela estava no hotel acompanhada de um amigo.

Segundo informações, o corpo da turista que morava em Taboão da Serra foi encontrado com sinais de sangramento no fundo da piscina. O caso ainda é considerado como “morte suspeita”. De acordo com a polícia, um possível homicídio não está descartado.

O acompanhante de Elzeli, Roberto Luis da Silva, de 47 anos, informou que ao avistar o corpo de sua amiga na piscina, ele se acionou rapidamente a presença do subgerente do hotel. Testemunhas e funcionários tentaram reanimar Elzeli com procedimentos de primeiros socorros, mas ela não reagiu. Segundo a irmã da diarista, Elzeli sabia nadar.

As câmeras de segurança do hotel não conseguiram capturar as imagens de Elzeli, o que dificulta nas investigações. Além disso, nenhum funcionário ou hóspede avistou a mulher na piscina.

O departamento de investigações da Delegacia de São Vicente, onde o caso está sendo investigado, aguarda o laudo do corpo da turista que havia sido levado para o IML de Santos.

Veja também  Moradora de Embu das Artes disputa ‘Quem Quer Ser Um Milionário?’ da Globo
Crédito: Rodrigo Lopes
Na 14ª Sessão Ordinária do Segundo Período da Câmara Municipal de Taboão da serra, que
Com realização e apoio da Secretaria de Saúde, neste sábado, dia 19, acontece a Campanha
Um delegado da Polícia Federal foi baleado às 7h desta segunda-feira (14), na Avenida Morumbi,