Moradores de Cotia poderão participar das gravações de série sobre Popó Freitas
Produção vai selecionar 300 figurantes homens negros

(Foto: Divulgação)

O pugilista baiano e tetracampeão mundial, Acelino “Popó” Freitas, terá sua vida retratada em uma série. As gravações já começaram e o Ginásio de Esportes de Cotia foi um dos cenários escolhidos para registrar parte de sua história. A produção vai selecionar 300 pessoas, de preferência de Cotia, para trabalhar como figurante nas gravações.

Para participar do filme, os interessados devem mandar um e-mail para pesquisa@reliquiacasting.com.br contendo fotos atuais de perfil, corpo inteiro, selfie (autorretrato) e informações pessoais, como idade, altura e telefone para contato. O cachê de R$ 120,00 será pago pela produção do filme. É preciso ser homem negro, com idade entre 18 e 70 anos. A gravação em Cotia será no dia 1º de março.

Sobre a série – “Os irmãos Freitas”

Contará a história de um dos maiores ícones esportivos do Brasil. Acelino “Popó” Freitas, campeão mundial de boxe, saiu de Salvador para ganhar o mundo e deixou para trás sua história, carregada de amor e diferenças com Luís Cláudio, seu irmão mais velho e o primeiro grande boxeador de sua família.

Entre as locações já selecionadas, estão cartões postais de Salvador, como o Farol da Barra, até bairros da periferia de São Paulo, entre eles o Jardim Ibirapuera. Além disso, ginásios importantes na carreira de Popó, como o Balbininho, na capital baiana e o francês Le Cannet, também serão reproduzidos para a série.

O ator Daniel Rocha, que foi também campeão infantil sul-americano de kickboxing, dará vida ao campeão Mundial Popó na produção. A série “Os Irmãos Freitas” conta com oito episódios e tem roteiro de Sérgio Machado, George Walker e Pedro Perazzo. A direção é de Sérgio Machado e Aly Muritiba e a supervisão artística de Walter Salles. A série tem previsão de estreia para 2019 no canal SPACE.

Veja também  Tarifa municipal de Cotia subirá para R$ 4,00 a partir deste domingo (8)
Crédito: Assessoria de Imprensa
De acordo com o Projeto de Lei 2007/2018 de 14/03/2018, de autoria do prefeito, todas
Vereadores e munícipes insatisfeitos com o serviço prestado pela empresa consorciada à EMTU (Empresa Metropolitana
m Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo, a exigência de comprovante de residência no