Justiça Eleitoral alerta eleitor sobre vídeo que associa defeito no teclado a fraude na votação
O vídeo veiculado distorce o que foi verificado, de fato, na Auditoria Pública realizada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP), no último sábado (20)
(Foto: Divulgação)

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) publicou texto alertando eleitores para vídeo em que se alega fraude em urna eletrônica que apresentou defeito. Conforme esclarece a notícia, o vídeo veiculado distorce o que foi verificado, de fato, na Auditoria Pública realizada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP), no último sábado (20).

O procedimento foi feito com urnas das duas seções eleitorais onde foram registradas ocorrências de problemas no primeiro turno das eleições: duas da 351ª Zona Eleitoral (cidade Ademar) e outras duas da 404ª Zona Eleitoral (cidade Tiradentes), sendo a urna substituída e a substituta.

No teste realizado na urna substituída de Cidade Tiradentes, apurou-se que, de modo aleatório, algumas teclas, ao serem pressionadas, geravam erro de sequência; outras vezes, erro de repetição. Isso indica que o teclado estava enviando mais de uma tecla para o sistema. Observou-se ainda que não havia uma correlação padrão entre uma tecla digitada e uma segunda tecla estendida pelo sistema.

Para descartar qualquer suspeita de fraude, a equipe de auditoria fez testes com os diversos números, nos diversos cargos, constatando que o defeito não ocorria somente com um número ou cargo específico. Logo, a conclusão foi de que houve falha no equipamento, e não fraude, conforme erroneamente sugerido no vídeo veiculado.

Veja também  Criminosos roubam caminhão do cantor Gusttavo Lima na Fernão Dias em Atibaia
Crédito: TRE
Os eleitores de todo o país que pretendem votar este ano têm até o dia
O Supremo Tribunal Federal (STF) volta a se reunir nesta quarta-feira (4) para dar continuidade
O eleitor que souber qual é o seu local de votação poderá votar mesmo sem