Denúncia de suposto crime ambiental é destaque na 9ª sessão da Câmara de Embu das Artes
Caminhão estacionado no pátio da prefeitura estaria supostamente despejando um liquido desconhecido no Rio Embu-Mirim
(Foto: Wilson Barbosa)

Após denúncias anônimas, o Vereador André Maestri (PTB), usou a tribuna da Câmara de Embu das Artes, durante a 9ª sessão ordinária, para apontar aos demais parlamentares o suposto crime ambiental. Um caminhão estacionado em um pátio da Prefeitura Municipal de Embu das Artes, especificamente no Serviços Urbanos, identificado pela empresa “Nina Construções e Participações LTDA” estaria supostamente (conforme denúncias) despejando um liquido desconhecido no Rio Embu-Mirim que corta a cidade.

O vereador André Maestri solicitou que seja efetivada uma fiscalização para que a empresa e a Prefeitura dê explicações sobre o caso.

Foto: Divulgação (Caminhão fotografado por munícipe no pátio da prefeitura)

Durante a sessão outros Vereadores demonstraram apoio. O Vereador Júlio Campanha, ressaltou a necessidade da rede de esgoto chegar na cidade, conforme promessa do Governador Geraldo Alckmin. Júlio e Hugo, veem esperanças em Marcio França que assume o estado de São Paulo nesta Sexta (06).

A moção de pesar a Josmar Begalli

Os Vereadores aprovaram uma moção ao ex-presidente da Câmara, Josmar, falecido na última Sexta (30). O ex-prefeito interino, foi sepultado em Machado (MG) sua terra natal. A causa da morte não foi divulgada.

Veja também  Acidente com caminhão desgovernado deixa feridos em Itapecerica da Serra
Crédito: Redação
Em audiência pública no último dia 28, a Câmara Municipal de Taboão da Serra discutiu
O prefeito Ney Santos (PRB) pediu afastamento da prefeitura de Embu das Artes na manhã
A Comissão de Serviços Públicos e Atividades Privadas da Câmara Municipal de Taboão da Serra