Bebê dado como morto é salvo por motorista de funerária em Osasco
Recém-nascida está em UTI Neonatal. Equipe médica foi afastada e hospital instaurou sindicância para apurar o caso.
(Foto: Divulgaçao)

Uma recém-nascida foi dada como morta por um médico do Hospital Alpha Med, em Carapicuíba, na Grande São Paulo, nesta segunda-feira (12). A criança foi socorrida por um motorista de funerária, que levava o bebê para o Instituto de Medicina Legal de Osasco. Ao descobrir que estava viva, ele voltou ao hospital com a criança, que foi internada.

A mãe da recém-nascida, Ana Caroline da Silva, 18 anos, chegou ao hospital com seis meses de gestação e logo entrou em trabalho de parto. A filha Izabelly nasceu prematura, com cerca de 700 gramas.

Após ser dada como morta, Izabelly foi levada para a UTI Neonatal do Hospital Sino Brasileiro, em Osasco, onde permanece internada em estado grave. em nota, o hospital informou que “estado de saúde do bebê é grave, porém estável neste momento. Permanece internado na UTI Neonatal por conta de sua prematuridade extrema e recebe todo suporte e cuidados necessários.”

Também em nota, o hospital Alpha Med informou que “abriu sindicância interna para apuração dos fatos e afastou os profissionais envolvidos no ocorrido até a conclusão da investigação. Informa ainda que permanece dando toda assistência e apoio à família”.

Veja também  Bebê nasce após mãe ser arremessada de caminhão na Régis Bittencourt
Crédito: G1
Douglas Barbosa dos Santos estava internado desde terça, 9, no Hospital Cruzeiro do Sul. Ele
Cumprindo a determinação judicial, a Festa do Peão de Osasco foi cancelada. A Companhia Verde
O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) suspendeu a realização da Festa do Peão